pierre-archi-9o4b-w_PcDU-unsplash.jpg

VISITE ALMADA

Almada conta com mais de 870 anos de história e actualmente caracteriza-se por uma vincada multicularidade, por fortes tradições e um  vibrante dinamismo cultural. 

A cidade tem uma forte relação com o rio Tejo e ainda uma ampla exposição ao mar Atlântico, com mais de 13 km de praias de areia fina e quase branca, numa envolvente natural de grande beleza e que são o local ideal para a prática de desportos de mar, como o Surf e o Kite-Surf.

Almada também se caracteriza pela sua ampla oferta gastronómica.

Ao nível das atracções turísticas, um dos locais mais famosos de Almada e que tem seguramente a vista mais fascinante sobre a cidade de Lisboa, é o Santuário do Cristo Rei. Construído no alto de um  monte na cidade de Almada,  é um monumento inspirado no Cristo Redentor do Rio de Janeiro e que se destaca por estar a 113 metros  de altura em relação ao nível do rio. É possível subir ao topo do monumento, beneficiando do elevador para facilitar o acesso, experiência que permite uma vista inesquecível sobre a cidade de Lisboa, sobre o seu colorido casario, uma vista privilegiada sobre muitos dos seus monumentos históricos e ancestrais como o Castelo  de São Jorge, a imponente cúpula da Basílica da Estrela e ainda uma vista em toda a extensão a impactante  Ponte 25 de Abril que liga Lisboa a Almada.

Um outro local muito típico e bonito é o bairro de Cacilhas, sendo famoso pela sua grande oferta de restaurantes de peixe e marisco. A muito agradável zona ribeirinha de Cacilhas é o local onde existe um porto marítimo com ligação directa a Lisboa, sendo esta alcançável numa viagem fluvial curta de apenas 15 minutos mas é uma das experiências mais marcantes para quem visita Portugal. Um outro local de forte tradição, igualmente com vistas privilegiadas sobre Lisboa e uma reconhecida oferta gastronómica é a Trafaria.

Almada apesar das suas tradições, carateriza-se por um vibrante espírito jovem que se reflecte na sua forte arte urbana, o culto por desportos modernos como o Skate e o Surf, dispõe ainda de conceituadas universidades com capacidade em atrair estudantes Portugueses e internacionais.
A tensão urbanística na capital, Lisboa, aliada a maior liberdade ao nível do trabalho híbrido, coloca o município de Almada com uma forte capacidade de atracção de população jovem, empreendedores e um crescente número de estrangeiros que são seduzidos pelo lado Natural da envolvente (mar, praia e pinhal) mas a poucos minutos de um aeroporto internacional.
 

almada cristo rei
almada cristo rei

press to zoom
almada cristo rei
almada cristo rei

press to zoom
1/1
praia caparica
praia caparica

press to zoom
praia caparica
praia caparica

press to zoom
1/1

 can't skip ALMADA 

 LISNAVE 

Foi a 11 de Setembro de 1961 que foi oficialmente construída a LISNAVE. O objetivo foi trazer para o país a tecnologia mais avançada para reforçar a experiência na construção e reparação naval acumulada durante séculos e assim poder competir no mercado internacional.

Um longo caminho foi percorrido até estar instalado e a operar na Margueira, em Cacilhas, o grande e moderno estaleiro com capacidade para receber os maiores navios do mundo que alimentavam o tráfego no Atlântico e no Mediterrâneo.

A inauguração foi em 1967, mas em 1966 já 900 dos seus 3918 trabalhadores se encontravam na Margueira envolvidos na construção do estaleiro.

Para além de todo o trabalho de engenharia necessário à construção e operacionalidade do estaleiro, foi necessário demolir o morro que separava Cacilhas da Cova da Piedade e criar novas acessibilidade, criar espaço ganhando-o ao rio e absorvendo pequenos estaleiros e oficinas que ainda sobreviviam timidamente nas praias da Margueira e Mutela.

Em 1971 é inaugurada a maior doca seca do mundo, com 520 por 90 metros, a famosa “Doca 13” pronta a receber navios até 1 milhão de toneladas. Uma das peças fundamentais para o seu funcionamento é o pórtico, que dos seus 65 metros de altura é possível descobrir um panorama inesquecível sobre o Tejo e Lisboa.

Encerra no final da década de 90, no ano 2000.

Actualmente a "antiga" Lisnave é uma zona desactivada mas com uma vista privilegiada sobre o estuário do Tejo, mais em especificamente o Mar da Palha. A vista magnífica sobre Lisboa é de cortar a respiração. O lado industrial do passado mantém-se vincado. A beleza natural e a impressão digital histórica e industrial seduziram a organização para realizar 3 das provas mais emblemáticas dos jogos dos bombeiros.
 

al-ho-YOBPn1gMP2c-unsplash
al-ho-YOBPn1gMP2c-unsplash

press to zoom
al-ho-YOBPn1gMP2c-unsplash
al-ho-YOBPn1gMP2c-unsplash

press to zoom
1/1